Buscar
  • Diretoria ABRASTT

Mensagem de Fim de Ano e Ano Novo 2020

Olá, Prezadas e Prezados:

Sou o Prof. René Mendes, Presidente recém empossado da ABRASTT (Associação Brasileira de Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora), e Pesquisador Colaborador do IEA  (Instituto de Estudos Avançados) da Universidade de São Paulo.

Sendo uma pessoa de referência no campo da Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora, há 48 anos vinculado à Saúde Pública, Saúde Coletiva e Medicina do Trabalho, senti-me na obrigação de transmitir esta mensagem, no exato dia de transição entre o ano de 2019, que se finda, e o ano de 2020, que se inicia. Minha audiência vai de colegas e companheiros de lutas e de sonhos, a trabalhadores da Saúde, a lideranças sindicais, a trabalhadores e trabalhadoras, e se estende a outros grupos, que incluem amigos, companheiros, familiares e meus irmãos de crença e fé, dos mais diferentes matizes.

É quase consenso que, infelizmente, 2019 foi um ano marcado por profundos sentimentos de frustração, de tristeza e de indignação de todos nós que militamos na defesa da saúde e segurança dos trabalhadores e das trabalhadoras. Um ano em que, no âmbito federal, se conseguiu, por meio de decretos, medidas provisórias, emendas constitucionais e leis e outros ataques, ferir de morte o arcabouço de proteção social construído nas últimas décadas, principalmente a partir da Constituição Federal de 1988. Em 1 ano apenas, se destruiu mais do que foi construído ao longo 31 anos de Constituição Federal, e ao longo de 75 anos de legislação trabalhista, e ao longo de 100 anos de legislação previdenciária!

A ano-calendário de 2019 se findou, mas a vida e a história continuam. E para utilizar uma palavra de ordem enraizada em nossas mentes e corações: a luta continua!

Assim, ao adentrarmos em 2020, eu gostaria de renovar o convite que fiz em meu pronunciamento de posse como Presidente da ABRASTT, no dia 10 de dezembro. Disse eu naquele momento emblemático, que “este é o momento de unir nossas forças! Identificar os parceiros certos que estão nas trincheiras, ao nosso lado, e direcionar os objetivos e propóstios de nossa luta, contra os adversários certos! As ideias são a nossa grande bandeira e nossa força, e quando somadas, multiplicadas e enriquecidas pelos cem, pelos mil, pelas centenas de milhares, pelos milhões de homens e mulheres, tornam-se poderosas!”

Ao adentramos em 2020, eu gostaria, de reiterar e renovar, também, a proposta da Diretoria da ABRASTT de mobilização dos esforços para a construção de algo que estamos denominando “FRENTE NACIONAL DE DEFESA DA SAÚDE DOS TRABALHADORES E TRABALHADORAS”.

Somos muitas as pessoas e as instituições, entidades, grupos e movimentos que comungam com os mesmos compromissos de defesa da saúde dos trabalhadores e das trabalhadoras.

Somos muitos – talvez ainda menos do que poderíamos ou deveríamos ser – mas ainda estamos um tanto dispersos, com um alcance social ainda fragmentado, e, por conseguinte, de baixo impacto, aquém do possível, sobretudo frente às poderosas forças do atraso, do retrocesso, e das estratégias de dividir para enfraquecer, quando não, para desmoralizar e humilhar!

As dezenas de iniciativas que hoje existem em nosso país podem até ter pequenas diferenças conceituais ou estratégicas entre si, mas, com certeza, elas têm muito mais em comum! Não são significativas as eventuais diferenças que venham a nos separarar, que nos dividam, que façam desperdiçar a nossa energia. Como já dito, estamos nas mesmas trincheiras, ou em trincheiras, lado a lado, e os nossos adversários não somos nós – ainda que diferentes. Os adversários reais não são pessoas (como tanto se pratica hoje, na ‘cultura do ódio’!), mas são ideias; são ideários; são políticas; são práticas; são sistemas perversos para a vida das pessoas e da sociedade. Perversos para a vida dos trabalhadores e das trabalhadoras!

Assim, por este meio deste  pronunciamento de fim de ano e de início do novo ano, renovamos o CONVITE a todos os movimentos sociais que comungam dos mesmos compromissos, para, unir nossas forças e juntos construirmos uma “FRENTE NACIONAL DE DEFESA DA SAÚDE DOS TRABALHADORES E TRABALHADORAS”.

Lembro, aqui, as palavras da Deputada Federal Luiza Erundina, que do alto de seus 85 anos, e com uma trajetória de dedicação ininterrupta de dedicação às causas públicas e em prol dos mais necessitados, nos envia a todos a sua mensagem, dizendo: “O desânimo é conservador, é atrasado, é paralisante! É preciso estimular o povo a se organizar e lutar. A esperança é revolucionária!”

Por certo, a esperança, mas, como disse Paulo Freire, a esperança do verbo esperançar, e não do verbo esperar. “Esperançar é se levantar, esperançar é ir atrás, esperançar é construir, esperançar é não desistir. Esperançar é levar adiante, esperançar é juntar-se com outros para fazer de outro modo...”, ensina o mestre Paulo Freire.

Um bom Ano de 2020, e que Deus nos inspire, guie e renove as forças!

São Paulo, 31 de dezembro de 2019.

René Mendes - Presidente da ABRASTT

0 visualização

Posts recentes

Ver tudo

Associação Brasileira de Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora - ABRASTT - 30.339.056/0001-36 - São Paulo / SP

  • LinkedIn Social Icon
  • Twitter Social Icon